sábado, setembro 30, 2006

Casas Portuguesas, hoje

Cá para mim, a blogosfera deverá tornar-se totalmente interactiva, para se poder constituir como um lugar de conversa de cavalheiros (à distância de um clique). Devido à "falta de tempo e de espaço" (duas carências da sociedade contemporânea), este meio vem substituir a tradicional ida ao clube ou a reunião da tertúlia. Assim, para cumprir esta função, parecem-me as caixas-de-comentários essenciais. Vem isto a propósito de ter constatado que, de entre todos os blogues aqui ligados, através da coluna da direita (como não poderia deixar de ser... ) — e que correspondem, de facto, às minhas leituras diárias — só este ilustre bloguista teima ainda em não abrir a porta de sua casa.

3 Comments:

Blogger Combustões said...

Caro Mendo:
Devo confessar que a meia hora que diariamente dedico ao blogue não inclui tempo para a caixa de respostas/comentários. Acresce, Jansenista dixit, sou um pouco autocrata. Cultivar a conversa, sim, abrir o que penso à crítica de cobardias anónimas, as mais das vezes soezes, medíocres e tolas, não !
Há na blogosfera do pior e do melhor, categoria esta última em que certamente o incluo. Nunca permiti, contudo, que a ralé ousasse sequer dirigir-me a palavra em questões para as quais só mobiliza a bílis e a cobardia.
Um abraço
Miguel

5:59 da tarde  
Blogger alex said...

Compreendo as razões do Miguel, tendo em conta o que se passou mas, mesmo assim, gostaria de apelar para que o Miguel altere a sua posição e abra as caixas de comentários, mesmo que seja com o sistema de 'censura prévia'.

2:33 da manhã  
Blogger Mendo Ramires said...

Caro Miguel:
Compreendo-o perfeitamente; tentei, apenas, "lançar o barro à parede"...
Um abraço,
Mendo

2:54 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home