segunda-feira, novembro 13, 2006

Os democratas

São burgueses na forma e burgessos no conteúdo.
Parecem saídos de um foleiro quadro neo-realista.
São meia-tijelas à procura da outra metade da gamela.
Acreditam no avô cantigas e nos amanhãs que cantam.
De noite, dormem em pleno sobressalto, a sonhar com o regresso dos fascistas.
De dia, são uns valentões anti-fascistas.
Têm umas amigas que foram muito dadas — aos outros — quando tinham vinte anos.
As mulheres deles vêem telenovelas, enquanto eles vão à reunião da secção partidária.
Têm muito senso-comum e nenhum bom-senso.
Bom-gosto — nem vê-lo!
Contam muitas anedotas; mas, não têm sentido de humor.
Usam meias de Verão todo o ano.

1 Comments:

Blogger a voz said...

Ah!, Ah!, Ah!. Bravíssimo! Uma delícia...

Cumprimentos

9:44 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home