segunda-feira, março 27, 2006

Roda bota fora

Não será esta a hora de acolhermos os nossos regressados emigrantes com dignidade e de convidarmos os imigrantes ilegais a saírem?

1 Comments:

Blogger alex said...

Meu caro, os emigrantes ilegais que cá temos, penso que é tempo de saírem....até para bem deles, senão ainda 'morrem' à míngua.
Não temos 'cadeiras' para 'sentar' tanta gente.
Também não me parece que existam meios para fazer as 'cadeiras' que faltam.

Quanto aos nossos compatriotas emigrantes...não os podemos acolher com 'dignidade'.
É completamente impossível.

Atente só em alguns factos:

- Os emigrantes que estão a chegar depois da 'vassourada' canadiana querem todos regressar aquele país da América do Norte, pois a economia portuguesa continua cronicamente deprimida e as perspectivas não são animadoras.

- O número de portugueses espalhados pelo mundo (entre 1ª e 2ª geração) ascende a mais de 4,5 milhões.
Logo...
(bastaria que metade deles regressasse para entrarmos em colapso)

nota:
deve-se reflectir no seguinte: em 1974/75, em pleno PREC, foi possível 'absorver' quaee 1 milhão de Retornados das ex-colónias sem sobressaltos de maior.
Hoje em dia, se nos entrassem 1 milhão de compatriotas pela porta dentro, num espaço de tempo equivalente ao dos Retornados, seria o fim do mundo em cuecas.

- O número de portugueses a saír do país em busca de melhores condições não cessa de aumentar desde 2002.
Voltamos a ser um 'exportador' de mão-de-obra. (desgraçadamente, parte dela altamente qualificada)

- Somos o país da Europa com o menor número de licenciados. Por outro lado, somos o país da Europa com maior número (de longe) de licenciados.....desempregados.
(isto demonstra bem o desajuste e desiquilíbrio da nossa economia)

Termino dizendo que acho uma vergonha nacional o facto de o nosso país, com quase 9 séculos de História (acho que o mais velho Estado-Nação do ocidente), viver da 'mão estendida' e numa postura de 'ó tio ó tio, e ver cidadãos seus serem tratados como 'gente de segunda' por países terceiros.

Portugal na UE faz a figura do 'sobrinho' pobre em casa das 'tias' ricas.
Enfim, uma merda...

11:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home