quinta-feira, outubro 05, 2006

Refundação

Consequentemente, a Realeza a restaurar não é a realeza liberal, constitucional, democrática, parlamentar, que aí tivemos a abrir a catástrofe de 1910 — mas a outra, a Realeza que vem de 1128 a 1820, a quem se deve a formação, a consolidação, o prestígio de Portugal; a quem se devem os fundamentos sobre que repousa a Nacionalidade; a quem se devem as fronteiras portuguesas, no continente europeu, e no Ultramar.
Alfredo Pimenta, Três Verdades Vencidas — Deus, Pátria, Rei.

3 Comments:

Blogger Simão dos Reis Agostinho said...

nem mais

11:54 da manhã  
Blogger Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú said...

Hoje celebra-se o dia mais triste da nossa história colectiva!
Saudações monárquicas

7:09 da tarde  
Blogger Mendo Ramires said...

Enquanto as Palavras de Mestres Pimenta e Sardinha estiverem bem vivas entre os Jovens Portugueses... — haverá esperança!

2:37 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home