terça-feira, novembro 28, 2006

Fundamentos para a Europa

S.S. O Papa Bento XVI tem vindo a construir, pé-ante-pé, mas com passos sólidos e firmes, uma reaproximação ao leste. Lendo a sua notável e vasta obra, ainda como Cardeal Ratzinger, encontramos o enunciado de um verdadeiro projecto Espiritual e Político para a Europa.
Nas palavras do Seu antecessor, Papa João Paulo II, a Europa tem «dois pulmões» — o Ocidente e o Oriente — e precisa de ambos para Viver. Este, ao ter contribuído decisivamente para a queda do materialimo comunista a leste, abriu caminho para o Velho Continente voltar a respirar com os seus «dois pulmões».
Agora, o Papa Bento XVI avança para o reencontro total com o Oriente, finalizando a missão de reunião da Europa Cristã; neste Papa, encontramos a expressão «duas asas», para designar, por um lado, a matriz romano-católica, herdada pelo permanente Sacrum Imperium Romanum nas suas sucessivas reordenações formais, congregadora dos convertidos reinos franco- germânicos; e, por outro lado, a cultura greco-cristã, que teve em Bizâncio um dos seus últimos redutos, mas que sobreviveu através da deslocação para norte, em direcção à — hoje de novo libertada e reconvertida — Europa eslava, encontrando em Moscovo uma terceira Roma, que projecta a luz do cristianismo até à Sibéria.
Ou muito me engano ou o próximo passo de Sua Santidade será a recuperação do mundo germânico, entretanto separado de Roma pela adopção de uma forma iluminada de cristianismo...
Depois, finda a Sua Missão: — A Europa voará de novo!

2 Comments:

Blogger JSM said...

Caro Mendo Ramires
Vera Via Sacra! Nunca esquecer de remarcar que a Cruzada começa no Ocidente, entre os que protestaram.
Hoje sabemos que muitos desses fiéis, foram enganados. Pelos mesmos de sempre.
Um abraço.

11:43 da manhã  
Blogger alex said...

Pois se calhar a Europa vai 'voar'.....mas, de acordo com o que Bento XVI terá dito ontem, se calhar vai 'voar' com a Turquia dentro.

Segundo consta, ontem, depois da visita ao mausoléu de Kemal Ataturk, em Ankara, o Papa deu o Sim à entrada da Turquia na UE.
Os governantes turcos, claro, devem ter ficado todos contentes.

9:35 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home